Novos velhos mundos

Uma fotografia, uma impressão.

Esse é o objetivo deste espaço, que trará imagens de lugares, objetos, detalhes de viagem sempre acompanhado de um pequeno texto.

Ah, e as fotos são todas autorais! <3

Em minhas retinas formou-se a imagem de um mundo novo: o velho mundo. E naquele vilarejo medieval, tudo era inédito. Pedras, flores. O modo como se juntam pedras e flores. A monumental ponte, o riozinho debaixo, as senhoras sorridentes, sentadas ao pé de uma oliveira que testemunhou guerras. O caminho estreito ampliava a mente. A luz do sol amarelada batia no meu escuro, escancarava meus monstros. Fui até a parte mais alta da cidade para me sentir pequena. Depois, grande. E, por fim, do tamanho que sou, que posso ser. A arte se fazia na tela monocromática dos telhados vistos de cima. Eu chorei e ri. A perturbação colocou tudo no lugar. 

Foto: Moustiers-Sainte-Marie – Provença, França.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *