Você já deve ter se perguntado nesse meio empreendedor que é a arte sobre como ser aquele profissional que tem um alto número de vendas. 

Alguns falam que existe uma fórmula mágica e outros dizem que é apenas dom. Bom, eu digo que é um pouco das duas coisas. 

O que você precisa saber antes de mais nada no mundo das vendas é que nem sempre vai dar para fazer totalmente o que você mais gosta. Às vezes você vai precisar ser um camaleão e saber ouvir o que o público está pedindo que você faça. 

É uma pena que muitos artistas e até empreendedores se sintam mal compreendidos e não queiram abrir mão um pouco do ego para conquistarem as pessoas para aí sim conseguirem dar vazão àquilo que faz parte dos seus sonhos. 

A venda é uma estratégia. Você pode muito bem aproximar a sua “arte conceitual” de uma moça que tenha saído para comprar um matador de mosquitos, desde que você saiba verbalizar muito bem aonde as duas coisas se encaixam.

Mas caso a sua criatividade não seja expandida nessa campo, eu sugiro que você se acalme e pense que nada está perdido. Dê um tempo e seja simples. Quando você cobra demais da sua produção você se afasta da fluidez, do que faria as pessoas darem uma chance e comprarem o que você faz. 

Tudo é questão de tempo, jogo de cintura e amadurecimento. Vender é mais do que colocar dinheiro na carteira. É o principal sinal de que você entendeu como funciona a mente e o coração das pessoas. 

E afinal, isso não seria arte e empreendedorismo?

•foto:  JESHOOTS.COM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *